Blog do Juares | Qual a quantidade lixo que eu vou deixar no planeta?

Camaquã-RS
05:56
25/11/2017

Blog do Juares | Qual a quantidade lixo que eu vou deixar no planeta?

Redes Sociais

Facebook Twitter RSS Contato
VEM AÍ UMA NOVA PROGRAMAÇÃO, COM CARA NOVA!
Anunciantes Blog do Juares

Notícias - Geral

Qual a quantidade lixo que eu vou deixar no planeta?

14/07/2017 | 17h47 - Fonte: Joel Pacheco / Edição Blog do Juares / Foto Divulgação
Compartilhe:
Com objetivo de trazer ao conhecimento das pessoas qual é o impacto que seu descarte de resíduos está causando no planeta, a Secretaria de Meio Ambiente de Camaquã investe insistentemente em ações sócio educativas para que todos nós saibamos qual  é o nosso rastro na produção de lixo no mundo e quais ações que podemos inserir nos nossos hábitos diários para minimizar este problema.
 
Se você quer saber qual o cálculo aproximado do peso que você vai produzir em lixo utilize o aplicativo ao ado app.pegadadelixo.com.br.
 
Através de textos informativos na área ambiental a Secretaria tem um um espaço contínuo no site da Prefeitura Municipal de Camaquã para a interação constante com os munícipes camaquenses, divulgando ali o roteiro da coleta seletiva, o roteiro da coleta dos rejeitos orgânicos, as ações dos biólogos Silvano Gross e Rafael Sofia na educação ambiental junto as escolas municipais e eventos afins.
 
A Secretaria ainda conta com material didático impresso, para em conjunto estabelecer um canal informativo a respeito dos resíduos sólidos urbanos, ações ambientais ecologicamente corretas e a preservação do Meio Ambiente como um todo.
Segundo estudos ainda são desperdiçados anualmente no Brasil R$ 8 bilhões em materiais que poderiam ser reciclados (IPEA, 2013).
O que podemos fazer para minimizar este dano de números elevados ao planeta?
 
De acordo com a administração pública, no endereço do site da Prefeitura www.camaqua.rs.gov.br semanalmente serão publicadas práticas sustentáveis e perfeitamente aplicáveis que poderão em muito contribuir com o mundo em que vivemos.
Compartilhe:

comentários