Blog do Juares | Confira a Ordem do Dia da 41ª Sessão Ordinária da Câmara de Camaquã desta segunda (30)

Camaquã-RS
14:54
19/02/2018

Blog do Juares | Confira a Ordem do Dia da 41ª Sessão Ordinária da Câmara de Camaquã desta segunda (30)

Redes Sociais

Facebook Twitter RSS Contato
BJ RÁDIO WEB
Anunciantes Blog do Juares

Notícias - Política

Confira a Ordem do Dia da 41ª Sessão Ordinária da Câmara de Camaquã desta segunda (30)

30/10/2017 | 11h14 - Fonte: Poder Legislativo / Foto: Juares da Luz/BJ
Compartilhe:

Nesta segunda-feira (30), a partir das 20 horas, será realizada a 41ª Sessão Ordinária da 17ª Legislatura da Câmara de Vereadores de Camaquã. Na Ordem do Dia serão discutidas e votadas as seguintes matérias:

> Projeto de Lei nº 58 de 2017, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza o Poder Executivo a abertura de crédito especial no valor de R$ 2 mil com recursos proveniente da redução orçamentária”. Em 2ª discussão e votação;

> Projeto de Lei nº 51 de 2017, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza o Poder Executivo a abertura de crédito especial no valor de R$ 300.000,00, com recurso proveniente do excesso de arrecadação”. Em 1ª discussão;

> Projeto de Lei nº 54 de 2017, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza o Poder Executivo municipal a celebrar termo de parceria com a Associação de Produtores de Leite de Camaquã - Asproleite”. Em 1ª discussão;

> Requerimento com o Apoio do Plenário (RAP) nº 70 de 2017, de autoria do vereador Ilson meireles, que “requer o envio de correspondência ao Poder Executivo encaminhando projeto sugestão que dispõe sobre “Aluno Nota 10, que premia os melhores alunos da rede pública municipal, criando o prêmio de incentivo ao bom aluno”. Em discussão e votação;

> Requerimento com o Apoio do Plenário (RAP) nº 74 de 2017, de autoria do vereador Claiton Silva e com a adesão da maioria dos líderes de bancada, que “requer o envio de correspondência ao Poder Executivo solicitando que atenda a sugestão de publicar decreto a fim de normatizar a escolha de diretores e vice-diretores das escolas do município, por meio de eleição direta da comunidade escolar, em consonância com as legislações vigentes que amparam a gestão democrática”. Em discussão e votação.

Compartilhe:

comentários