Blog do Juares | Confira a Ordem do Dia da 41ª Sessão Ordinária da Câmara de Camaquã desta segunda (30)

Camaquã-RS
06:14
21/11/2017

Blog do Juares | Confira a Ordem do Dia da 41ª Sessão Ordinária da Câmara de Camaquã desta segunda (30)

Redes Sociais

Facebook Twitter RSS Contato
VEM AÍ UMA NOVA PROGRAMAÇÃO, COM CARA NOVA!
Anunciantes Blog do Juares

Notícias - Política

Confira a Ordem do Dia da 41ª Sessão Ordinária da Câmara de Camaquã desta segunda (30)

30/10/2017 | 11h14 - Fonte: Poder Legislativo / Foto: Juares da Luz/BJ
Compartilhe:

Nesta segunda-feira (30), a partir das 20 horas, será realizada a 41ª Sessão Ordinária da 17ª Legislatura da Câmara de Vereadores de Camaquã. Na Ordem do Dia serão discutidas e votadas as seguintes matérias:

> Projeto de Lei nº 58 de 2017, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza o Poder Executivo a abertura de crédito especial no valor de R$ 2 mil com recursos proveniente da redução orçamentária”. Em 2ª discussão e votação;

> Projeto de Lei nº 51 de 2017, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza o Poder Executivo a abertura de crédito especial no valor de R$ 300.000,00, com recurso proveniente do excesso de arrecadação”. Em 1ª discussão;

> Projeto de Lei nº 54 de 2017, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza o Poder Executivo municipal a celebrar termo de parceria com a Associação de Produtores de Leite de Camaquã - Asproleite”. Em 1ª discussão;

> Requerimento com o Apoio do Plenário (RAP) nº 70 de 2017, de autoria do vereador Ilson meireles, que “requer o envio de correspondência ao Poder Executivo encaminhando projeto sugestão que dispõe sobre “Aluno Nota 10, que premia os melhores alunos da rede pública municipal, criando o prêmio de incentivo ao bom aluno”. Em discussão e votação;

> Requerimento com o Apoio do Plenário (RAP) nº 74 de 2017, de autoria do vereador Claiton Silva e com a adesão da maioria dos líderes de bancada, que “requer o envio de correspondência ao Poder Executivo solicitando que atenda a sugestão de publicar decreto a fim de normatizar a escolha de diretores e vice-diretores das escolas do município, por meio de eleição direta da comunidade escolar, em consonância com as legislações vigentes que amparam a gestão democrática”. Em discussão e votação.

Compartilhe:

comentários