Blog do Juares | Dez opções de centroavantes para substituir Lucas Barrios no Grêmio

Camaquã-RS
03:13
19/01/2018

Blog do Juares | Dez opções de centroavantes para substituir Lucas Barrios no Grêmio

Redes Sociais

Facebook Twitter RSS Contato
PROGRAMAÇÃO MUSICAL DAS 8H ÀS 24H!
Anunciantes Blog do Juares

Notícias - Esportes

Dez opções de centroavantes para substituir Lucas Barrios no Grêmio

20/12/2017 | 07h26 - Fonte: Correio do Povo / Foto: Las Palmas / Instagram / Reprodução
Compartilhe:

Busca por um camisa 9 é uma das prioridades da direção gremista

Com a saída de Lucas Barrios confirmada logo após a final do Mundial de Clubes, o Grêmio tem como prioridade a contratação de um centroavante para o próximo ano. O Correio do Povo listou 10 jogadores da posição que seriam opções para vestir a camisa 9 do Tricolor para 2018.

Henrique Dourado – Fluminense (28 anos)

Artilheiro do Campeonato Brasileiro ao lado de Jô, com 18 gols, Henrique Dourado foi indicado pelo técnico Renato Portaluppi aos dirigentes do Grêmio. O bom desempenho na temporada, no entanto, despertou interesse do futebol chinês, que tem grande poderio financeiro. O Tricolor deve avançar na tentativa da contratação do jogador após a confirmação da renovação de Renato. 

Ponto a favor: vem de uma boa temporada em 2017

Contra: valorizado, atrai concorrência de clubes de fora do país

Jonathan Calleri (foto) – Las Palmas (24 anos)

Artilheiro da Libertadores de 2016 com a camisa do São Paulo, Jonathan Calleri, de 24 anos, foi para o futebol europeu ainda no ano passado. Após uma temporada em que jogou pouco no West Ham, da Inglaterra, foi para o Las Palmas, da Espanha, onde é titular. No clube espanhol desde julho, marcou seis gols – quatro no Campeonato Espanhol e dois na Copa do Rei. Calleri despertou interesse do Grêmio no começo de 2016, antes de acertar com o São Paulo. 

A favor: idade, jogador que ainda pode evoluir

Contra: atleta com salário alto 

Marco Ruben – Rosario Central (31 anos)

Um dos destaques da Libertadores do ano passado, Marco Ruben despertou interesse de vários clubes brasileiros, inclusive do Grêmio, mas resolveu ficar no Rosario Central. No entanto, a atual situação do clube, que não disputará a Libertadores de 2018 e está fora da briga pelo título no Campeonato Argentino, pode alterar a posição do centroavante de seguir em Rosario. 

A favor: a situação ruim do Rosario Central no Argentino pode facilitar a saída

Contra: Marco Ruben sofreu com lesões na temporada, onde marcou apenas oito gols. 

Jonathan Álvez - Barcelona de Guayaquil (29 anos)

Um dos principais nomes do Barcelona de Guayaquil, que chegou a semifinal da Libertadores, Jonathan Álvez foi algoz de Santos e Palmeiras na competição. Sua ausência no jogo de ida da semifinal contra o Grêmio foi bastante sentida pelo Barcelona. Na volta, em Porto Alegre, deu trabalho para a defesa gremista. 

A favor: custo para tirá-lo do Barcelona não é alto

Contra: é um jogador com problemas disciplinares 

Emmanuel Gigliotti – Independiente (30 anos)

De volta ao futebol argentino em 2017 após dois anos na China, Gigliotti foi dos principais nomes do título da Sul-Americana do Independiente. Jogador de bom porte físico, ele mostrou oportunismo e foi decisivo na campanha do time argentino. 

A favor: jogador em bom momento

Contra: Independiente não deve facilitar a saída para um rival na Libertadores 

Nicolás Blandi – San Lorenzo (27 anos)

Criado nas categorias da base do Boca Juniors, Blandi vive no San Lorenzo o melhor momento da carreira. Em 2017, o jogador marcou cinco gols na Libertadores e vem sendo um dos destaques da equipe que deu boa arrancada no Campeonato Argentino após a saída do técnico Diego Aguirre e a entrada de Claudio Biaggio no comando da equipe. 

A favor: Além de artilheiro, Blandi é um centroavante de bastante movimentação

Contra: Titular absoluto, não deve ter saída do San Lorenzo facilitada 

Silvio Romero - América do México (29 anos)

Com duas passagens de sucesso pelo Lanús, o argentino Silvio Romero é um dos destaques do América do México, que chegou à semifinal do último Campeonato Mexicano. Sem ser alto – tem 1,75 -, compensa com boa movimentação e participação na criação das jogadas. É forte nos chutes de fora da área e tem nas cobranças de falta boa qualidade 

A favor: jogador com experiência de jogar Libertadores e vem de uma boa temporada

Contra: desperta interesse de clubes como Boca Juniors e River Plate, o que deve elevar o valor para contratação 

Dayro Moreno - Atlético Nacional (32 anos)

Autor de 29 gols em 2017, Dayro Moreno se mostrou uma reposição à altura de Miguel Borja, negociado com o Palmeiras, no Atlético Nacional. O jogador foi um dos artilheiros do Clausura Colombiano, que terminou no último final de semana, com 11 gols. 

A favor: vem de boas temporadas seguidas, tendo média de quase um gol a cada dois jogos nos últimos três anos

Contra: pela idade, é um jogador que dificilmente trará um ganho financeiro em futuro negócio. 

Teo Gutiérrez – Junior Barranquilla (32 anos)

Campeão da Libertadores com o River Plate em 2015 e titular da seleção colombiana na última Copa do Mundo, Teo Gutiérrez voltou a ter uma boa temporada em 2017. O centroavante foi um dos destaques do Junior Barranquilla na campanha da Sul-Americana deste ano. 

A favor: jogador com experiência na Libertadores

Contra: comportamento extracampo costuma gerar problemas 

Mauro Boselli – Léon – (32 anos)

Bicampeão da Libertadores – 2007 com o Boca Juniors e 2009 com o Estudiantes, Boselli segue mostrando o faro de artilheiro no futebol mexicano. No León desde 2012, o argentino ultrapassou a marca de 100 gols com a camisa da equipe mexicana. 

A favor: acostumado a jogar a Libertadores

Contra: León deve dificultar a saída do jogador, que é um dos principais ídolos do clube

Compartilhe:

comentários